- ARBORIZAÇÃO URBANA MUNICIPAL
(AUM222382017)

 

Local: Rua Marcílio Dias, 574 - Porto Alegre/RS
Investimento: R$ 283,00 para Prefeitura - R$ 425,00 para outros
Datas: 22 e 23 de agosto de 2017
Dia 22.8.2017 - das 9h às 12h e das 13h30 às 17h
Dia 23.8.2017 - as 9h às 12h
Carga Horária: 10h/a


APRESENTAÇÃO

A questão ambiental é de inclusão obrigatória nas ações do Poder Público, como imposição legal e da necessidade de que o desenvolvimento econômico e social ocorra de forma sustentável. Essa obrigação decorre da própria Constituição, quando, no seu artigo 225, impõe tanto ao Poder Público, como à sociedade, o dever de atuar na defesa do meio ambiente. Para auxiliar no planejamento urbano-ambiental dos municípios é que se apresenta o ARBORIZAÇÃO URBANA: COMO PLANEJAR E EXECUTAR.

OBJETIVO

Capacitar os participantes para a atuação na urbanização urbana e sua gestão, em conformidade com a legislação ambiental, através do conhecimento de aspectos técnicos legais e institucionais.

PÚBLICO-ALVO

Secretários, Procuradores, Assessores Jurídicos, Engenheiros, Biólogos, Fiscais, Servidores da Área Ambiental Municipal, profissionais e gestores de órgãos públicos e privados da área ambiental e demais profissionais interessados em adquirir novos conhecimentos para a formação profissional, com o fim de capacitação para o mercado de trabalho.


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

ARBORIZAÇÃO URBANA: COMO PLANEJAR E EXECUTAR
- Por que arborizar?
- Planejamento da Arborização Urbana
- Legislação – Baseada na Resolução COMAM nº 20/2006 Prefeitura Porto Alegre
- Proposta de modelo de legislação municipal
- Princípios básicos para o projeto de arborização urbana
- Preceitos básicos para arborização em vias públicas
- Áreas urbanas edificadas, arborizadas e eletrificadas
- Características das espécies arbóreas
- Implantação
- Época
- Coveamento
- Adubação
- Área de crescimento
- Cinta de proteção
- Plantio propriamente dito
- Gradis de proteção
- Irrigação
- Espécies mais utilizadas na arborização urbana no Brasil
- Classificação de vegetação arbórea urbana
- Espécies nativas na arborização urbana
- Espécies exóticas na arborização urbana
- Espécies com limitação de uso em arborização urbana
- Tamanho das árvores
- Manutenção
- Equipamentos
- Princípios da poda
- Tipos de poda
- Gerenciamento da manutenção
- Doenças e outros problemas
- Aspectos fitossanitários
- Fatores negativos para o bom desenvolvimento da arborização urbana
- Comparação da arborização por regiões: Porto Alegre, São Paulo e Manaus

MINISTRANTES
ALEXANDRE BURMANN
Advogado, Professor de curso de Pós Graduação (UNISINOS, IPA/METODISTA e FEEVALE) e de Extensão (FAMURS), Pós-Graduado em Direito Ambiental, Mestre em Avaliação de Impactos Ambientais, Secretário Geral da União Brasileira da Advocacia Ambiental – UBAA, Membro da Comissão de Direito Ambiental da OAB.RS e da Associação Gaúcha de Advogados de Direito Ambiental Empresarial – AGAAE.

RENATA CARDOSO VIEIRA
Possui graduação em Ciências Biológicas - Ênfase Ambiental pela UFRGS (2009), graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas pela UFRGS (2013) e mestrado em Biologia Animal com ênfase em Comportamento Animal pelo PPG Biologia Animal da UFRGS (2012). Atuou como bióloga durante 4 anos na Secretária Municipal de Meio Ambiente (SMAM) de Porto Alegre, trabalhando no licenciamento ambiental do município de Porto Alegre, no Programa de Conservação de Fauna Silvestre (2013 – 2016) e atuando como Coordenadora do setor Assessoria de Unidades de Conservação (2016 – 2017). Doutora em ecologia. Doutora em Ecologia (UFRGS 2016)

Custo: R$283,00