• Local: Rua Marcílio Dias, 574 - Porto Alegre/RS
    Investimento: R$ 399,00 para Prefeitura - R$ 599,00 para outros
    Datas: 31/7 e 1º/8 de 2018
    Horário: Das 9h às 17h
    Carga Horária: 14h/a



    OBJETIVO

    • Dominar conceitos de Boas Práticas de Fabricação e sua aplicação como ferramenta de inspeção sanitária, higiênica e industrial dos produtos de origem animal.



    PÚBLICO ALVO

    • Médicos veterinários dos Serviços de Inspeção Municipais e Secretarias de Agricultura dos municípios.
    • Responsáveis técnicos de agroindústrias.
    • Técnicos e gestores de agroindústrias.

    CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

    • Conceitos e legislação
    • Estruturação do manual de BPF
    • Etapas de Implantação
    • Instalações
    • Procedimentos Padrão de Higiene Operacional – PPHO
    • Procedimentos Sanitários Operacionais – PSO
    • Água de Abastecimento
    • Controle de Pragas
    • Higiene e Saúde pessoal
    • Programas complementares



    MINISTRATTE
    Suzane Bittencourt, AFFA aposentada, com experiência em auditorias operacionais e de sistemas de inspeção sanitária de produtos de origem animal, instrutora dos cursos de auditoria em BPF e APPCC, ministrados pela Organização Panamericana de Saúde – OPAS/OMS.

  • Local: Rua Marcílio Dias, 574 - Porto Alegre/RS

    Investimento: R$ 399,00 para Prefeitura - R$ 599,00 para outros

    Datas: 31 de julho e 1º de agosto de 2018

    Horário: das 9h às 17h

    Carga Horária: 14h/a


    OBJETIVO:

    Proporcionar aos profissionais de trânsito uma visão abrangente das questões associadas ao estacionamento de veículos nas vias públicas, começando pela forma de aplicação da sinalização, passando pelos critérios para reserva de vagas até às questões envolvendo o estacionamento rotativo pago (Área Azul). Fornecer informações aos profissionais de órgãos executivos municipais de trânsito para que possam planejar e sinalizar os diversos tipos de vagas de estacionamento, como por exemplo: vagas de carga e descarga, estacionamento de idosos, vagas para motocicletas, farmácias, entre outros. O curso aborda ainda o dimensionamento das vagas para os diversos tipos de veículos, medidas de restrição de estacionamentos e noções básicas para elaboração de diagnóstico sobre os estacionamentos em uma região da cidade.



    CONTEÚDO PROGRAMÁTICO


    1 EVOLUÇÃO DO TRANSPORTE INDIVIDUAL

    2 O AUTOMÓVEL NAS CIDADES

    3 ASPECTOS GERAIS

    4 COMO SINALIZAR – RES. 180/05

    5 VAGAS ESPECIAIS DE ESTACIONAMENTO – RES. 302/08

    6 VAGAS PPD’S E IDOSOS – RES. 303/08 E 304/08

    7 CRITÉRIOS PARA RESERVA DE VAGAS

    8 ESTACIONAMENTO ROTATIVO PAGO

    9 PROIBIÇÕES DE ESTACIONAMENTO

    10 DIMENSIONAMENTO DAS VAGAS

    11 HIDRANTES – RES. 31/98

    12 MEDIDAS DE RESTRIÇÃO DE ESTACIONAMENTO

    13 PESQUISAS DE ESTACIONAMENTO



    MINISTRANTE:

    Marcos Feder E Fagner Sutel Formação Graduação em Eng. Civil 2013 Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS Especialização em Eng. Trânsito 2005 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS Mestrado em Eng. Produção e Transportes 2004 Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS Graduação em Eng. Mecânica 1997 Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS Experiência profissional Empresa Pública de Transporte e Circulação de Porto Alegre - EPTC 2002 - atual Chefe da Equipe de Projetos Viários Responsável por vias estruturadoras, Centro Histórico, Área Azul e Sinalização Indicativa Atividades desenvolvidas  Elaboração de projetos de sinalização viária vertical, horizontal e semafórica.  Gerenciamento da sinalização e circulação no Centro Histórico de Porto Alegre.  Avaliação de viabilidade de implantação de estacionamento rotativo pago (Área Azul).  Gerenciamento das vagas e acompanhamento do estacionamento rotativo pago implantado.  Análise de acidentalidade em pontos críticos e elaboração de projetos de segurança viária.  Participação nos grupos de trabalho da Prefeitura de Porto Alegre (Monumenta, Revitalização do Centro, Linha Vermelha, Sinalização Turística, Rotas Acessíveis, Bonde Histórico)  Participação na elaboração do Manual de Sinalização Vertical da EPTC e no Manual de Diagramação da Sinalização Vertical.  Revisão do Programa de Orientação de Trânsito de Porto Alegre.  Responsável pela sinalização temporária para a Copa do Mundo 2014.  Idealizador do “Caminho do Gol”, utilizado na Copa do Mundo 2014 para acesso ao estádio.  Elaboração de Orientações Técnicas para padronizar procedimentos de análise e sinalização.  Estudo e projeto de disciplinamento da circulação de veículos pesados no Centro Histórico de Porto Alegre.